Um adeus para Jerry Robinson – Robin e Coringa choram enquanto as ruas de Gotham ficaram um pouco mais tristes

Um adeus para Jerry Robinson – Robin e Coringa choram enquanto as ruas de Gotham ficaram um pouco mais tristes

Jerry Robinson, morre aos 89 anos na noite do dia 07 para o dia 08 de dezembro 2011. O cartunista foi um dos primeiros desenhistas do Batman, considerado criador de Robin (já vi esse nome em algum lugar… apesar dos créditos serem de Robin Hood), Alfred, Duas Caras e Coringa. Jerry foi “achado” por Bob Kane aos 17 anos e chamado para trabalhar após uma conversa informal, onde Jerry usava uma roupa branca com desenhos feitos por ele mesmo (que chamaram a atenção de Bob), trabalhou como arte-finalista, apoiando os outros desenhistas, até que em menos de um ano começou a mostrar seu talento criando personagens (alguns que deram muito o que falar quanto a quem foi o verdadeiro criador sobre direitos autorais).

Robinson também desenhou cartoons em jornais, charges e ilustrações para espetáculos da Broadway, foi professor na School of Visual Arts em Nova York, presidente da Association of American Editorial Cartoonists (Associação americana dos cartunistas) e Cartoonists National Society (Sociedade dos cartunistas), escreveu “The Comics: An Illustrated History of Art Comic Strip” (“A história ilustrada da arte nos quadrinhos”), foi curador de diversas exposições.

O que os grandes disseram sobre ele

Mike Marts disse: “Robinson era um inovador, um pioneiro na hora de contar histórias” e que “As ruas de Gotham ficarão um pouco mais melancólicas hoje”.

Jim Lee disse: “todos que amam os quadrinhos têm com Jerry uma dívida de gratidão pelo rico legado que ele deixa”.

Charles Kochman disse: “Robinson era diferente de outros artistas que trabalham em quadrinhos”, que “Jerry deu realismo aos quadrinhos e ao humor” e que “Ele apreciou o valor dos quadrinhos como arte”.


Novidades da nossa loja virtual...

Deixe uma resposta

comment-avatar

*